Quem nunca pensou em criar um robô para ajudar a fazer suas tarefas de casa? Ou até para salvar o mundo? Mas aí você pensa que é complicado, que vai custar caro... Não aqui! Aqui você vai soltar sua imaginação e ainda ganhar um Mix Leitor-d [leitor de e-books com 2GB de memória interna (expansível até 16GB)], Placas ARM Cortex e Camisetas Robô Livre.

Como funciona?

Clique no botão "Seguir conteúdo" desta página e no campo abaixo responda à pergunta:

"Se você pudesse criar um robô agora, que robô você criaria?"

Serão premiadas as ideias mais legais e criativas (julgadas pela equipe Robô Livre). A ideia pode ser em Texto, em Imagem (desenho, ilustração, etc) e em Vídeo (vale animação, 3D, stop motion, etc). Mande quantas ideias quiser!

Você tem até as 14:00h do dia 02/02/2013 para postar sua ideia. No mesmo dia às 18:00h divulgaremos as ideias mais criativas que ganharão:

1º lugar

Kit com um Leitor de E-books / ARM Cortex STM32F4-Discovery / Camiseta Robô Livre

2º lugar

Kit com ARM Cortex STM32F4-Discovery / Camiseta Robô Livre

3º lugar

Uma Camiseta Robô Livre

É importante que a ideia seja criada por você. Mostre sua criatividade!

Obs: lembrando que é necessário ser campuseiro para participar do concurso.

Mais sobre o Mix Leitor-d

jm5p6.jpg

É o leitor de livros digitais (e-books) totalmente brasileiro que possui tela de 6 polegadas com tecnologia de papel eletrônico e capacidade interna de 2GB (expansível até 16GB via cartão microSD). Suporta arquivos pdf, txt, epub, html, chm e .mobi, além de música mp3, wma e wav, suporta também imagens jpg, bmp, gif e png.

Mais sobre a placa ARM Cortex STM32F4-Discovery

ibuMkSp5WwGqPd.jpeg

Possui microcontrolador STM32F407VGT6 com núcleo 32-bit ARM Cortex-M4F, 1 MB Flash, 192 KB RAM em um conjunto LQFP100. Confira detalhes.


Atividades recentes

  • Vancleide JordãoConcurso Cultural: Ideia de Robô #CPBR6
    Vancleide Jordão

    Ideia ótima!! inspi­radora e legal. Mas a data venceu antes que voltásse­mos às ativi­dades. Seria inter­es­sante relançar para até final de fevereiro, seria pos­sível? Abraço pes­soal da robôlivre.

    • Henrique

      Henrique Braga Foresti Terça, 05.02.2013 11:37:

      Oi Van­cleide, como vai ?
      Vamos con­ver­sar pes­soal­mente qual­quer dia desses para falar de nos­sas ações …
      Esse con­curso já se tornou tradi­cional durante as Cam­pus Party, e cer­ta­mente vai rolar na #CPRe­cife 2 que já está con­fir­mada.
      Pre­pare os estu­dantes tam­bém para o Con­curso Leve Seu Robô para a Cam­pus Party.
      Agora, nada impede que ten­hamos out­ros fora da cam­pus. Para o final do ano esta­mos preparando o primeiro evento Robô Livre.

  • Rafael Guilherme MorenoConcurso Cultural: Ideia de Robô #CPBR6
    Rafael Guilherme Moreno

    Acred­ito que um robô que pudesse realizar tra­bal­hos em altura, que pudesse escalar con­struções metáli­cas ou não e realizar sol­dagem de estru­turas, fixar obje­tos, até mesmo fazer manutenção na ilu­mi­nação de está­dios de fute­bol, entre out­ras ativi­dades que deman­dam cuidado ao serem real­izadas pelo homem seria uma boa idéia.

    • Fabricio da Silva LourençoConcurso Cultural: Ideia de Robô #CPBR6
      Fabricio da Silva Lourenço

      Pen­sando na neces­si­dade dos idosos terem que tomar seus remé­dios, várias vezes muito pare­ci­dos e em horários reg­u­lares, desen­volve­ria um robô que aler­tasse na hora exata do idoso tomar o remé­dio e lev­asse jun­ta­mente com o alerta um copo com água. Assim seria solu­cionado o prob­lema do esque­cer de tomar algum com­prim­ido e aju­daria as pes­soas da 3ª Idade que pos­suem prob­le­mas de locomoção.

      • Melissa AguiarConcurso Cultural: Ideia de Robô #CPBR6
        Melissa Aguiar

        Eu cri­aria um que se encaixaria nas pes­soas como um “andróide”. Ele serviria para aju­dar a se moverem as pes­soas que perderam algum mem­bro ou movi­mento do corpo em aci­dentes ou que nasce­ram com alguma defi­ciên­cia física. Ele tam­bém pode­ria ser con­tro­lado por um com­puta­dor ou con­t­role remoto, tendo out­ras cen­te­nas de util­i­dades. Desde bus­car um copo de água, até entrar em um edifí­cio em chamas à procura de vítimas.
        Enquanto usado para aju­dar às pes­soas a se movi­menta­rem, seria usado só o corpo do robô, para usá-​lo com o con­t­role, bas­taria encaixar sua cabeça (que teria câmeras com visão noturna, visão de calor, alto-​falantes e espaço para adap­tações).
        Suas util­i­dades depen­de­riam das neces­si­dades de quem o con­trola. Seria um robô “all in one”. Feito p elas pes­soas para aju­dar às pessoas.

        • Reinaldo BispoConcurso Cultural: Ideia de Robô #CPBR6
          Reinaldo Bispo

          Eu inven­taria um robô que iden­ti­fi­casse mod­i­fi­cações climáti­cas em regiões de risco e aler­tasse os órgãos respon­sáveis pelas mod­i­fi­cações e acionasse as medi­das pré-​estabelecidas para cada situ­ação de risco para evi­tar que ocorra víti­mas de cat­a­stro­fes nat­u­rais. Um outro robô tra­bal­hando em con­junto enviaria ondas infraver­melho para apar­el­hos insta­l­a­dos em casas de riscos e caso os sinais não retor­nassem a Defesa Civil já saberia quais casas tem maior pri­or­i­dade na visita e agiria mais rápido na iden­ti­fi­cação de desabri­ga­dos e reg­istro de víti­mas (todos os moradores das casas em risco seriam pre­vi­a­mente cadastrados).

          • Luana HermannConcurso Cultural: Ideia de Robô #CPBR6
            Luana Hermann

            Um que fosse bus­car agora uma pizza!!!!!!!!!!!!!

            • Thiago AttianesiConcurso Cultural: Ideia de Robô #CPBR6
              Thiago Attianesi

              A Pin! Minha pequena robô.

              Pin é uma de uma série chamada de π N. Ela foi con­ce­bida como pro­tótipo de algo a ser pro­duzido em larga escala. Quando está desli­gada, PiN assume uma posição de esconder-​se. As mãos vão aos olhos, tampando-​os, a cabeça encaixa-​se no espaço em seu tórax. Os pés escondem-​se den­tro da saia. A idéia é que pare­cesse que ela tem ver­gonha, por algum motivo.

              A série tem o cabelo fechado, mais com­por­tado, os olhos são bem dilata­dos, para desumanizar. A antena de comu­ni­cação é visível e o laço abaixa-​se, para lem­brar orel­has de ani­mais que ficam assim quando estão acua­dos ou com medo.

              Ainda não desen­hado há a lig­ação entre os pés e braços ao corpo, o qual fica um tipo de ener­gia col­orida de acordo com seu humor, a demostração de sen­ti­men­tos da pequena Pin é feita por essa ener­gia que pare­cem sinapses.

              Foto:
              http://4.bp.blogspot.com/-96XrjmzyVyw/UQlfyJ5VE7I/AAAAAAAAAXc/_P5E37GUdvU/s1600/PiN.png

              Mais sobre ela:
              http://​met​alover​metal​.blogspot​.com​.br/

              • Henrique

                Henrique Braga Foresti Sábado, 02.02.2013 17:53:

                Valeu Thi­ago , Você venceu o con­curso, com­pareça às 19 horas de hije, sábado 2 de janeiro no palco Galileu para a premiação.

            • Josualdo DiasConcurso Cultural: Ideia de Robô #CPBR6
              Josualdo Dias

              O clima sem­pre varia muito, e não é ape­nas nas estações do ano. Os pais sem­pre tem uma grande pre­ocu­pação por conta dessas mudanças, que junto a elas trazem com­pli­cações na saúde de seus filhos.O robô capaz de perce­ber a mudança de tem­per­atura e umi­dade e ajus­tar auto­mati­ca­mente os clima­ti­zadores domés­ti­cos, afim de evi­tar os con­tratem­pos cau­sa­dos pelo clima. O Nanny Bot Cli­mate, poderá per­cor­rer cada cômodo da casa e ver­i­ficar as questões climáti­cas interna e exter­nas e que pos­sam ser prej­u­di­cais à todo família, como vaza­mento de gás. Os sen­sores de tem­per­atura e umi­dade no robô, será capaz de aux­il­iar os pais em noites quentes à are­jar os cômo­dos ou no inverno fazer o inverso.

              • Douglas SorrilhaConcurso Cultural: Ideia de Robô #CPBR6
                Douglas Sorrilha

                Um robô agora seria muito útil já que estou com as per­nas doendo ele iria cor­rendo pras filas do brinde enquanto eu iria tran­quil­a­mente andando e pegaria água pra mim tbm.

                • Shayene Karla Marques CorreaConcurso Cultural: Ideia de Robô #CPBR6
                  Shayene Karla Marques Correa

                  Eu cri­aria um robô em que eu pudesse descar­regar todo meu sono e cansaço nele, para poder ficar acor­dada e com piqué, em todos os min­u­tos da Cam­pus Party 2013.